Hino de Jaci

 

Hino de Jaci

Letra de João Rodrigues Pereira

Música de Eloisa Ferreira Barbosa Rigonato

 

I

Aqui era o Sertão do Avanhandava

O luar um intenso mar de prata

E os desígnios de Deus prenunciam

A Miralua vir surgir na densa mata

E da meiga alusão Tupi Guarani

Ao mirar a lua exclamou Jaci.

 

REFRÃO:

Jaci, Jaci, Jaci, terra de plena alegria,

Gente modesta e feliz

Onde o trabalho gera harmonia

E engrandece o teu parque fabril Por isso sempre compartilhamos,

Dos sucessos do Brasil.

 

II

Aconchegante e hospitaleira és tu, Jaci,

De reconhecida terra boa e água pura,

Aqui se vive de amor e ternura

Conceito que orgulha os filhos teus,

E, de braços abertos permanentes,

Acolhemos toda gente, unindo filhos de Deus.

 

III

Somos firmes e muito exigentes,

Nada de inseguro em nossas mentes,

Para que tudo seja exemplar,

Como o Lar São Francisco de Assis,

Porta aberta para um mundo feliz,

E, assim sempre nos faz exaltar.

Nosso site faz o uso de cookies para melhorar sua experiência de navegação. Leia sobre como utilizamos cookies e como você pode controlá-los clicando em "Preferências de Privacidade" à direita.

Preferências de Privacidade

Quando você visita qualquer site, ele pode armazenar e recuperar informações através do seu navegador, geralmente na forma de cookies. Como nós respeitamos sua privacidade, você pode escolher não permitir coletar dados de alguns tipos de serviços. Entretanto, ao não permitir esses serviços sua experiência pode ser impactada.


ACESSIBILIDADE

Para navegação via teclado, utilize a combinação de teclas: Alt + [ de atalho]

Atalhos de navegação:

Tamanho da Fonte/Contraste
fechar
ACESSIBILIDADE
Carregando... Por Favor, aguarde...